Bolsonaro vai antecipar 13º salário de aposentados e pensionistas – Saiba Mais

Informou que irá antecipar o pagamento do 13º salário a aposentados e pensionistas do INSS.

Publicidade

O  governo federal informou que irá antecipar o pagamento do 13º salário a aposentados e pensionistas do INSS.

O anúncio que já havia sido feito pelo secretário especial de Previdência e Trabalho – Rogério Marinho, foi divulgado pelo presidente Jair Bolsonaro em rede social.

Até o presente momento, o adiantamento precisava ser feito por decreto, dependendo de decisão do presidente da república. A partir de agora, aposentados e pensionistas poderão contar com este dinheiro antecipado de maneira permanente.

Confira a publicação do presidente Jair Bolsonaro sobre o 13º salário de aposentados e pensionistas:

Publicidade

A Medida Provisória vai antecipar R$ 21 bilhões. Ou seja, o correspondente a 50% do 13º devido a aposentados e pensionistas de todo o Brasil.

Rogério Marinho informou que os aposentados e pensionistas começam a receber a primeira parcela do 13º nos últimos cinco dias úteis de agosto e terminam na primeira semana de setembro. Ou seja, o benefício será pago juntamente com o pagamento dos salários.

“Essa MP é importante porque o aposentado não vai precisar mais esperar anúncio de antecipação, ele já poderá contar com a parcela todos os anos como direito seu. Isso ajuda as pessoas a se programarem, além de impulsionar a economia”, disse Marinho.

Ao todo, cerca de 30 milhões de brasileiros serão beneficiados com o ato.

Quem tem direito a antecipação do 13º salário:

  • Aposentados do INSS;
  • Beneficiários do auxílio-doença;
  • Beneficiários do auxílio-acidente;
  • Beneficiários do auxílio-reclusão;
  • Beneficiários da pensão por morte.

Confira as datas de pagamento:

Para aqueles que recebem um salário mínimo, os pagamentos serão feitos entre os dias 26 de agosto a 6 de setembro.

Segurados com renda mensal acima de um salário mínimo terão os seus pagamentos creditados entre os dias 1 e 7 de setembro. Ou seja, ambos juntamente com o pagamento do benefício.

A orientação do INSS é que os segurados atentem quanto ao número final do cartão de benefício, sem considerar o dígito verificador.

🔸🔸🔸 Posts Recomendados 🔸🔸🔸

E ai, gostou da notícia ?

Comenta sua opinião aqui embaixo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui